Esfriou

Foto: Beto Lima/ JEC.com.br

O Joinville basicamente descarta a possibilidade de perder o atacante Rafael Grampola para o próximo ano. Nos últimos dias, a sondagem do futebol asiático pelo jogador não evoluiu, fazendo o clube acreditar que a proposta de um milhão de dólares não será concretizada dentro desta janela.

Apresentado em maio, Rafael Grampola marcou 20 gols em 19 jogos pelo JEC. O vínculo do atacante com o clube é válido até maio de 2019, com multa de R$ 5 milhões.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on Pinterest
Mais

Amanhã tem

*Com Gustavo Mejia (@gustavomejiafm)

Após vencer o Franca na estreia do NBB, o Basquete Joinville se prepara para a partida contra o Bauru, atual campeão nacional, amanhã, dia 17, às 20h, no ginásio da Whirpool.

A equipe do paulista conta com o experiente Shilton, que marcou seu nome no basquete joinvilense.

O Joinville aposta em Max, decisivo na recuperação da equipe diante do Franca, recuperando 10 rebotes na partida.

Os ingressos estarão à disposição no site do Basquete Joinville, ou nas bilheterias na Whirpool duas horas antes do duelo. Valores a R$30 (R$15 meia)

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on Pinterest
Mais

O guardião Samurai

Foto: Juliano Schmidt/ JEC.com.br

A identificação com o torcedor e a qualidade técnica foram fundamentais para a diretoria do JEC Futsal prolongar o vínculo com o ala-esquerdo Jackson Samurai por mais uma temporada. Com 19 gols no ano, o jogador continua vestindo a número 2 Tricolor em 2018.

Jackson é o segundo integrante oficialmente renovado pelo o clube. Além dele, o técnico Vander Iacovino também foi confirmado nesta semana.

Dez anos se passaram até eu voltar a vestir a camisa tricolor em 2017. Pode ser força do destino, pode estar traçado, ou não, mas nossas escolhas determinam o nosso caminho, e é sempre difícil projetar o futuro quando se diz sim ou não para um clube, tem muita coisa em jogo. Hoje posso dizer com certeza da minha felicidade em ter escolhido defender as cores do JEC em 2017 e poder continuar ano que vem – Jackson.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on Pinterest
Mais

Seguindo

Foto: SECOM/ PMJ

Nesta semana, Prefeitura de Joinville iniciou a colocação da cadeiras rebatíveis no nível 2 das arquibancadas da Arena Joinville. O primeiro setor – defronte ao camarote do Prefeito – já está completo. Já o restante do setor deve ser finalizado após a chegada da nova remessa das cadeiras.

Além disso, outros 3.400 assentos monobloco já foram solicitados e devem ser colocados – atrás da meta nos fundos do estádio – até o final do mês.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on Pinterest
Mais

Empate em casa

O JEC Futsal entrou em quadra na noite desta quarta-feira, feriado de Proclamação da República, para enfrentar o Joaçaba, pelas quartas de final do Campeonato Catarinense da Divisão Especial, jogo de ida. Com gols de Gabriel e Fernandinho para o Tricolor, Turmena e Yan para o Joaçaba, o resultado ficou em 2 a 2.

Para se classificar à final, o JEC Futsal precisa vencer em Joaçaba. Um novo empate e a partida irá para a prorrogação e a equipe da casa joga por um novo resultado igual.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on Pinterest
Mais

De virada é mais gostoso

Foto: Leonardo Júlio

Após estar perdendo por 20 pontos no final do primeiro tempo, o Basquete Joinville conseguiu reverter o placar e derrotou Franca por 66 a 58, nesta tarde, no Centreventos.

A virada foi consolidada no segundo tempo, com grande atuação do ala Felipe Vezaro, cestinha do jogo com 23 pontos, e André Bambu, que somou 15 pontos durante a peleja. O estreante Deonta Stocks também foi bem, liderando o aspecto de assistências, assim como o pivô Max, melhor reboteiro do duelo.

1° quarto – 9 x 17
2° quarto – 7 x 19
3° quarto – 29 x 13
4° quarto – 21 x 10

O Basquete Joinville volta à quadra na próxima sexta-feira, dia 17, às 20 horas, contra o Bauru, no ginásio da Whirpool.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on Pinterest
Mais

Impeachment

Foto: Beto Lima/ JEC.com.br

Alguns conselheiros do Joinville estão articulando uma proposta para iniciar um processo de impeachment contra Jony Stassun, presidente do clube. Um dos possíveis motivos apontados pelo grupo é a improbidade administrativa da atual gestão.

Consta em ata nas últimas reuniões do Conselho Deliberativo um pedido de conselheiros sobre o detalhamento das contas do JEC no exercício 2017. Os associados alegam que a solicitação foi feita há mais de 60 adias e até agora não foi atendida.

O pedido é algo amparado em estatuto, com punições detalhadas nos artigos 105, 106 e 107. O não cumprimento das atividades pode ocasionar – além da queda do mandato – a exclusão do atual presidente do quadro associativo.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on Pinterest
Mais

Um barco à deriva

Foto: Divulgação/ Youtube

A implosão política do Joinville nesta terça-feira causou estranheza ao presidente Jony Stassun. Em entrevista à Rádio Clube, o dirigente se mostrou surpreso com a atitude da chapa Reconstrução e disse que era favorável ao processo de transição, mesmo sem ceder poderes integrais ao novo grupo.

Eles poderiam ter feito outra observação, não adianta soltar tudo isso na imprensa. Nós somos favoráveis ao processo de transição, porém o comando fica conosco até o término do mandato, em abril. – Jony Stassun 

Marcus Silva, presidente do Conselho Deliberativo, prefere ter um pouco mais de calma na tomada das decisões. O Conselho também é favorável à transição e concorda que o processo transitório não pode ser feito apenas com um acompanhamento básico. Ou seja, por mais que as deliberações continuem à cargo da diretoria executiva, a opinião da nova chapa deveria ser considerada.

Vamos somar todas opiniões e informações, até porque temos a reunião do Conselho Deliberativo no dia 27 e a principal pauta é transição. Este impasse poderá ser extremamente danoso ao clube. Além disso, toda essa confusão deixou o presidente Jony ainda mais isolado dentro do Conselho. – Marcus Silva

  • O que houve?

Além da questão envolvendo o volante Michel Schmoller, outros dois pontos colaboraram para o atrito entre as duas partes. A primeira foi resultante de um parcelamento de uma dívida tributária de R$4 milhões, que foi dividida em 180 meses e que necessitava do primeiro pagamento – no valor de R$145 mil – ainda nesta semana. Na opinião do Conselho, o JEC não iria pagar. Já para o clube, o grupo se comprometeu em ajudar e não fez.

O outro fator preponderante na crise foi uma exigências do grupo na saída do superintendente administrativo Edcarlos Natali, o braço direito do presidente Jony Stassun. Na opinião do grupo, é normal que os cargos de confiança sejam oxigenados ao término das gestões. Já para a diretoria, Edcarlos continuará prestando os serviços ao clube até o período eleitoral.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on Pinterest
Mais

A chapa esquentou

O processo político transitório do Joinville terminou antes mesmo de começar. Nesta terça-feira, dia 14, os envolvidos da chapa Reconstrução, que assumirá o clube em abril, desistiram do processo após várias divergências com o presidente Jony Stassun e com o vice Jurandir da Silva.

No entendimento deles a transição é apenas um acompanhamento. A gente já acha que a transição é um compartilhamento de decisões. Alertamos que isso não é o ideal pro clube, mas eles não abrem mão do comando integral até abril. – Alexandre Poleza

Um dos estopins para a queda do processo transitório foi a contratação do volante Michel Schmoller, que terá vínculo até o final da próxima Série C. Na opinião da nova chapa, uma consulta sobre o caso poderia ter acontecido, visto que a atual diretoria só tem poderes até o mês de abril.

  • Como fica agora?

A chapa Reconstrução desistiu da transição e comunicou o presidente do Conselho Deliberativo, Marcus Silva. Agora, caberá ao dirigente tomar as decisões cabíveis, buscando estabilizar a saúde administrativa e política do clube.

  • Qual o futuro do JEC?

Na reunião desta tarde, Jony Stassun chegou a oferecer cargos diretivos para Alexandre Poleza e Vilfred Schapitz, que recusaram pela falta de autonomia nas decisões até abril. Após a queda no processo de reconstrução, a nova chapa decidiu que todas as ações – a partir de agora – serão tomadas em tom de oposição.

Procurado, Jony Stassun não retornou as ligações.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on Pinterest
Mais

Chegou a hora

Foto: Divulgação/ Basquete Joinville

*Com Gustavo Mejia (@gustavomejiafm)

O Basquete Joinville retorna ao NBB nesta quarta-feira, dia 15, às 13h, contra o Franca, no Cau Hansen.

Os comandados de George Salles vem de um vice-campeonato do JASC, na última semana. O Joinville poderá contar com quase todo seu plantel neste primeiro duelo: Lucas Colimério, Deonta Stocks e Tiagão, reforços contratados após o anúncio da disputa do NBB, estão confirmados para a peleja. Já americano Que Johnson, ainda resolvendo a questão documental, deve estrear com a camisa do Joinville somente na terceira rodada.

Pelo lado do Franca, a expectativa é pela estreia de Leandrinho, jogador que veio do Phoenix Suns, da NBA, e busca levar os paulistas ao título do NBB. Os ingressos estarão à disposição do torcedor nas bilheterias do Cau Hansen, horas antes da partida, a R$30 (R$15 meia).

 

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on Pinterest
Mais
(function (document, window) { var c = document.createElement("script"); c.type = "text/javascript"; c.async = !0; c.src = "//clevernt.com/scripts/bd75b365885d6e8421d5fb07911c475a.min.js?20171030=" + Math.floor((new Date).getTime()); var a = !1; try { a = parent.document.getElementsByTagName("script")[0] || document.getElementsByTagName("script")[0]; } catch (e) { a = !1; } a || ( a = document.getElementsByTagName("head")[0] || document.getElementsByTagName("body")[0]); a.parentNode.insertBefore(c, a); })(document, window);