Error, group does not exist! Check your syntax! (ID: 2)

Categoria: JEC

Desenhado

Foto: Kaue Vezentainer/ JEC.com.br

O técnico Julian Tobar desenhou a provável escalação do Joinville para o duelo contra o Tubarão, na retomada da Copa Santa Catarina, neste domingo, dia 12, no Sul do Estado.

No treinamento de ontem, no CT, o técnico posicionou o time no 4-2-3-1. Da provável escalação, três jogadores (Lucas Sum, André Baumer e Formiga) vão estrear no profissional.

  • Provável JEC: Ferreira; Lucas Sum, Igor, André Baumer e Gustavo; Formiga e Júnior Sutil; Patrick, Matheus Silva e Janderson; Adriano.
Mais

Revelia

Foto: Divulgação/ JEC

Campeão Brasileiro em 2014, o atacante Edigar Júnio está movendo uma ação trabalhista de R$109 mil contra o Joinville. A audiência de conciliação aconteceu nesta quinta-feira, dia 9, na 1ª Vara do Trabalho de Joinville. O caso seria apreciado pelo juiz Sérgio Massaroni, não fosse a ausência do clube – sem justificativa, segundo a ata – no encontro.

Contrário a revelia, Edcarlos Natali, superintendente geral do JEC, alega que o clube e o atleta já encontraram um meio termo e, por isso, não foi necessária a presença no TRT. A ata (veja aqui), entretanto, confirma a revelia, descarta o processo conciliatório e garantindo a intimação das partes.

A ação é oriunda da segunda passagem do atacante pelo clube. Em 2015, Edigar Júnio atuou pelo JEC entre julho e dezembro, durante a disputa da Série A. O atleta recebia um salário de R$60 mil, divididos entre 50% de CLT e direitos de imagem. O comissionamento para a contratação do jogador também foi de R$60 mil, dividido em três parcelas iguais.

Em dezembro de 2015, o JEC reconheceu a dívida de R$109 mil com o atleta. Em um email endereçado ao procurador do jogador, o clube alegou que não tinha condições de arcar com o montante, resultante do salário de novembro e proporcionais de férias, 13º salário e indenização.

Mais

Observação

Foto: Beto Lima/ JEC.com.br

Júnior Gaino, coordenador das categorias de base do Joinville, justificou a ausência dos atletas do clube na Seleção Catarinense Sub-20 (leia aqui).

Segundo o dirigente, houve um contato da FCF visando a convocação de Madson, Janderson e Jean Felipe. Ambos, porém, estão integrando o elenco profissional que disputa a Copa Santa Catarina e, por isso, pediram liberação do evento nacional.

Mais

O patinho feio

Foto: Kaue Natan/ JEC.com.br

Entre os grandes clubes do Estado, Joinville foi o único que não emplacou nenhum atleta na Seleção Catarinense que disputará a Copa de Seleções Estaduais Sub-20, organizada pela CBF, a partir do dia 29 de novembro.

A lista contém seis atletas do Avaí, três do Figueirense, três da Chapecoense, dois do Criciúma, dois do Internacional e um do Metropolitano. A escolha foi feita pelos oito clubes participantes do Estadual Júnior que enviaram uma lista com onze atletas titulares e quatro membros de comissão técnica, exceto integrantes do seu próprio clube, para definir a relação dos convocados. Os mais votados foram convocados para compor a Seleção Catarinense Sub-20.

Mais

Contra o tempo

Mais de 600 ingressos já foram adquiridos para o duelo entre JEC Futsal e Foz Cataratas. O lote dos bilhetes antecipados seguirá somente até as mil primeiras comercializações. Após isso, outros 600 ingressos estarão à disposição somente no sábado, dia do confronto.

Mais

Sem TV fechada

O Esporte Interativo recuou a proposta inicial e deixou a concorrência pelo televisionamento do Campeonato Catarinense. Porém, mesmo sem a perspectiva do canal da Turner, a competição pode ficar sem PPV, visto que somente a NSC – interessada no direito da transmissão aberta – está próxima do acordo.

Sem a transmissão de jogos em canais fechados, o Estadual 2018 poderá render uma forma alternativa de transmissões aos clubes, que já procuram caminhos legais para a divulgações próprias na internet.

Mais

Pontos corridos

Foto: FCF

O Conselho Técnico de ontem, na FCF, definiu que o Campeonato Catarinense em 2018 será disputado em pontos corridos – turno e returno – totalizando 18 datas, com início no dia 17 de janeiro.

Existe, porém, uma tentativa de liberação de mais duas datas, via a CBF, para que o campeonato tenha semifinal e final em jogo único. Desta forma, os melhores colocados serão os mandantes e, em caso de empate, haverá disputa de pênaltis.

Jony Stassun e Carlos Kila representaram o Joinville no encontro. Os três primeiros colocados no Estadual garantem a vaga na Copa do Brasil em 2019.

A FCF está satisfeita com o formato escolhido pelos clubes em pontos corridos. É uma forma democrática na qual todos têm chance de buscar o título. Serão 90 jogos com a mesma importância. Vamos ficar na expectativa pela busca de mais uma ou duas datas junto à CBF para a realização da final, ou, da semifinal e final. – Rubens Angelotti, presidente da FCF.

Mais

Doeu no bolso

Foto: Beto Lima/JEC.com.br

 A Maná Refeições Ltda, empresa que administrava o antigo restaurante do CT do JEC, acionou e venceu o clube na 4ª vara Cível de Joinville, com uma causa de R$ 623 mil. O valor foi oriundo da quebra de contrato e também do atraso das parcelas pendentes no vínculo firmado em abril de 2016.

Do montante cobrado pela empresa, R$ 387.371,44 são referentes ao não pagamento pela prestação dos serviços no período de 22/12/2016 a 30/04/2017, data da quebra do contrato. Os outros R$ 235.852,55 são justificados na multa contratual pela rescisão antecipada. O contrato entre as partes era de 36 meses.

Por refeição principal (almoço e jantar), o JEC pagava R$16,19. Em alguns casos – especializado no contrato como Carnes Especiais – o almoço chegava a custar R$30. Ainda no documento, a empresa salienta que realizou todos os investimentos necessários e que o clube estava honrando os compromissos até o final de dezembro de 2016.

O contrato entre Maná Refeições e Joinville foi assinado no dia 18 de abril de 2016, 10 dias depois do presidente Jony Stassun ser empossado no cargo. Procurados, os dirigentes do clube ainda não se manifestaram sobre o assunto.

A sentença contra o clube foi definida no dia 16 de outubro, pelo juiz Fernando Seara Hickel. No documento, fica salientado que o JEC terá até seis meses para quitar o geral da dívida, com possibilidade de penhora dos bens em falta de pagamento.

Mais

Esclarecendo

Foto: Beto Lima/ JEC.com.br

Jony Stassun não deixará o Joinville ao final deste ano. Diferente do que foi afirmado anteriormente (leia aqui), o atual presidente fez questão de salientar que está aberto ao processo de transição, mas que seguirá o mandato até o seu final.

A diferença é que a nova chapa não terá influência nas decisões da diretoria até o final da atual temporada. A partir de janeiro, o novo grupo indicará algumas ideias, porém, a decisão final, até o mês de abril, ainda será do atual presidente..

Não existe nenhum compromisso de tomadas de decisão pela nova chapa a partir de janeiro. Existirá a transição. Mas, uma coisa é transição, a outra é comando. – Jony Stassun

Mais

Novatos

Foto: Beto Lima/ JEC.com.br

Após a folga aos titulares, o elenco do Joinville ficou reduzido aos jovens atletas, em sua maioria formado nas categorias de base. Dos 30 atletas à disposição de Julian Tobar, apenas 10 já realizaram partidas como profissionais.

  • Goleiros: Felipe Leineker, Ferreira e Nicolas;
  • Zagueiros: Igor, André Baumer, Luan, Leonardo Colto e Saile;
  • Laterais: Alan Menezes, Thierry, Gustavo, Daniel Soares, Lucas Sum e Emerson;
  • Volantes: Murilo, João Pedro, Pulga, Formiga e Júnior Sutil;
  • Meias: Mateus Silva, Patrick, Gabriel Bencke, Baianinho e Adsson;
  • Atacantes: Jean Felipe, Corrêa, Cercal, Janderson, Adriano e Erick Packer.
Mais
(function (document, window) { var c = document.createElement("script"); c.type = "text/javascript"; c.async = !0; c.src = "//clevernt.com/scripts/bd75b365885d6e8421d5fb07911c475a.min.js?20171030=" + Math.floor((new Date).getTime()); var a = !1; try { a = parent.document.getElementsByTagName("script")[0] || document.getElementsByTagName("script")[0]; } catch (e) { a = !1; } a || ( a = document.getElementsByTagName("head")[0] || document.getElementsByTagName("body")[0]); a.parentNode.insertBefore(c, a); })(document, window);