Error, group does not exist! Check your syntax! (ID: 2)

Categoria: Gabriel Fronzi

Preocupante

Foto: Fronzi Press
Foto: Fronzi Press

O blog teve acesso ao relatório da auditoria que será apresentação na reunião do Conselho Deliberativo do Joinville, nesta terça-feira, dia 25, na CDL. A minuta está pronta, mas ainda precisa ser aprovada pelos Conselheiros que irão analisar os documentos referentes ao exercício da última temporada.

Abaixo, o blog separa alguns pontos que chamam a atenção no documento.

  • O números assustam

1 - incerteza na continuidade

Com 28% de aumento na dívida geral, o passivo do JEC passou de R$18 milhões para R$25 mi. No exercício, o débito circulante do clube – conforme antecipado ontem pelo blog  (veja aqui) – aumentou de R$12 milhões para R$15 mi.

Infelizmente, o passivo descoberto – a dívida do clube subtraindo todas as receitas e o patrimônio possível – também aumentou em R$811 mil, alcançando os R$10 milhões.

  • PROFUT em risco

Por inadimplência, o JEC pode perder o benefício do PROFUT, o programa de modernização da gestão do futebol brasileiro. Segundo a lei 13.155/15, o clube poderá ser excluído do programa após o não pagamento de três parcelas ou mais.

5- recisões

Sem o PROFUT, o Joinville terá que negociar sua situação financeira isoladamente, diminuindo o prazo para os pagamentos e aumentando o comprometimento financeiro. Certidões negativas do INSS, FGTS e Ministério do Trabalho serão mais difíceis.

  • Falta equilíbrio

3 - gastos na temporada

Em 2015, impulsionado pela cota de TV, o JEC arrecadou R$40 milhões. Em 2016, na Série B, a arrecadação caiu 27%, totalizando os R$29 milhões. Os custos com futebol, entretanto, não acompanharam a queda. Foram apenas 12% de redução no comparativo das duas temporadas.

  • Tapando um buraco com outro

4 - emprestimos

Nos últimos anos, o Joinville está fazendo um empréstimo para pagar outro. Em 2015, por exemplo, o clube devia mais de R$5 milhões para o então presidente Nereu Martinelli. Com a saída do dirigente, o atual mandante Jony Stassun herdou a dívida.

Baixe o arquivo completo clicando aqui.

Mais

O canarinho

Foto: Leandro Zanotto
Foto: Leandro Zanotto

Dossiê 
Ypiranga-RS: O primeiro adversário do JEC na Série C.

* Com Gustavo Mejia

Após o rebaixamento no Gaúchão, o Ypiranga-RS se reapresentou no dia 4 iniciando a preparação para a disputa da Série C. Insatisfeito com o desempenho no primeiro semestre, contabilizando também a eliminação na Copa do Brasil para o PSTC-PR, o time gaúcho dispensou 11 jogadores, inclusive alguns titulares como o meia Vinícius, os atacantes Franc e Tchelé e os laterais Bernardo e Guilherme.

No ano, o Ypiranga disputou 12 partidas, com duas vitórias, três empates e sete derrotas. Em apenas duas oportunidades a equipe não sofreu gols. Em casa, foram dois triunfos, dois empates e uma derrota nos cinco jogos disputados

Revelado na base do Internacional, o atacante Talles Cunha (foto) é o artilheiro da temporada com três gols. Já o meia Kaio Wilker, com passagem pelo América-MG, é o principal articulador da equipe, participando de 11 jogos em 2017.

2404 talles cunha

Classificado entre os quatro melhores da Série D em 2015, o Ypiranga ficou apenas na sexta colocação na Série C do ano passado, com oito vitórias, quatro empates e seis derrotas. Nesta temporada, além do campeonato nacional, a equipe também disputará a Super Copa Gaúcha.

  • Reforços

Com a reapresentação no dia 4, o time contabilizará mais de 45 dias para se preparar com os novos integrantes. Chegaram zagueiro Éverton, de 30 anos, que estava no Picos-PI, e o volante Pedro Ivo, de 26 anos, que estava no Santa Cruz-RN.

Na última semana, o Canarinho também apresentou o volante Tiago Pedra, de 27 anos, que estava no Rio Branco-PR. Além dele, também chegaram o meia Anderson Safira, que disputou o Catarinense pelo Almirante Barroso, e o atacante Rafael Tavares.

Com uma folha de R$200 mil mensais, o Ypiranga também espera contratar o atacante Júlio Cesar, destaque do Caxias no Gaúchão deste ano.

  • Técnico

macuglia 2404

O técnico Guilherme Macuglia, de 55 anos, é um velho conhecido do torcedor do Joinville. Com uma passagem em 2007, o treinador comandou a equipe em 14 jogos, com sete vitórias, três empates e quatro derrotas. Ele assumiu o Canarinho após a saída de Carlos Moraes, desprestigiado por três derrotas no Estadual e a eliminação na Copa do Brasil.

Mais

100% na Copinha

8DF406AE-3E80-45C2-959E-359A05181D6D

*Com Gustavo Mejia

A equipe sub-20 do Joinville venceu o Metropolitano por 1 a 0, neste sábado, dia 22, em jogo válido pela Copa SC, no CT. Com quatro gols na competição, Janderson marcou o único gol do confronto e assegurou a vitória simples do Tricolor.

Comandados por Julian Tobar, os meninos do JEC estão na liderança do campeonato com 100% de aproveitamento após cinco partidas. O próximo desafio será no sábado, dia 29, contra o Inter de Lages, no CT.

Mais

Olha quem voltou

*Com Gustavo Mejia

Recuperado de uma lesão no joelho esquerdo, o fixo Leco voltou a treinar com bola nesta terça-feira, dia 18, e deve estar à disposição do técnico Vander Iacovino na próxima partida do JEC Futsal, contra o Blumenau, dia 24, pelo estadual.

Capitão da equipe, Leco é um dos jogadores mais experientes e vencedores do plantel tricolor, atuando desde 2011 pelo JEC Futsal. 

Mais

Feriado?

*Com Gustavo Mejia

Embalado pela última vitória em casa, o Basquete Joinville está no Rio de Janeiro/RJ para enfrentar o Botafogo, líder da Liga Ouro, em dois jogos neste feriadão.

A primeira partida será hoje, dia 14, às 17 horas,  no ginásio Oscar Zelaya, em General Severiano. O segundo desafio será no domingo, dia 16, às 10h30, no mesmo local.

Mais

Subindo

Foto: Daniela Bonelli
Foto: Daniela Bonelli

*Com Gustavo Mejia

Na noite de ontem, dia 11, o Basquete Joinville entrou em quadra e venceu o lanterna Brusque, em jogo válido pela Liga Ouro, por 68 a 53, no Centreventos Cau Hansen.

Novamente liderada pelo cestinha Vezarinho, com 21 pontos convertidos, a equipe joinvilense segue em busca da consistência no campeonato para conquistar a vaga no próximo NBB.

Com o resultado, a equipe joinvilense se manteve na terceira colocação. O próximo desafio será longe de casa, no dia 14, contra a equipe do Botafogo, líder da competição, no Rio de Janeiro/RJ.

Mais

Recorde nacional

*Com Gustavo Mejia

Ana Lays Bayer, atleta da equipe joinvilense de atletismo, sagrou-se campeã brasileira sub-20 na modalidade lançamento de martelo, no último final de semana, em São Paulo. Ana bateu a própria marca que antes atingia os 59,24m. Agora, o recorde nacional está na marca dos 60,98m.

Outro destaque do Campeonato Brasileiro interclubes Sub-20, foi Samara Furtado, que conquistou a 2ª colocação no lançamento de disco.

Mais

Hoje tem

*Com Gustavo Mejia

Depois de passar pelo Santos/AP, no último sábado, o Basquete Joinville volta ao Cau Hansen nesta terça-feira, dia 11, às 20 horas, contra o Brusque, pela Liga Ouro. A equipe joinvilense segue na terceira colocação, atrás de Botafogo e Contagem. O Brusque, adversário desta noite, é o lanterna e ainda não venceu na competição.

Os ingressos estarão à disposição na bilheteria do Cau Hansen ao valor de R$12.

Mais

Sem novidades

Foto: JEC.com.br
Foto: JEC.com.br

Sem novidades, o técnico Fabinho Santos convocou 20 jogadores para o duelo do Joinville contra o Sport, nesta quarta-feira, dia 12, na Ilha do Retiro, pela Copa do Brasil. A delegação do Tricolor já está em Recife/PE e na tarde de hoje realiza uma última atividade no CT Wilson Campos, pertencente ao Náutico.

  • Goleiros: Matheus e Jhonatan.
  • Laterais: Caíque, Gustavo, Alex Ruan e Buiú.
  • Zagueiros: Danrlei, Max e Henrique Mattos.
  • Volantes: Luiz Meneses, Knapp e Tinga.
  • Meias: Aldair, Breno, Lúcio Flávio, Juninho e Mateus Silva.
  • Atacantes: Fabinho Alves, Bruno Batata e Marlyson.
Mais

Sem sustos

*Com Gustavo Mejia

Na noite de ontem, o JEC Futsal venceu a Chapecoense por 3 a 1, na estreia do Campeonato Catarinense, no Cau Hansen.

Com gols marcados por Xuxa(2) e Eka, o Tricolor teve ampla superioridade em todos os aspectos na partida, decidindo o jogo logo na primeira etapa. No segundo tempo, a melhor chance JEC Futsal esteve nos pés do capitão Xuxa que desperdiçou a penalidade.

Agora, o JEC Futsal se prepara para o duelo contra o Carlos Barbosa, no dia 29, fora de casa, pela Liga Nacional.

Mais