Injusto?

Foto: Joinville EC
Foto: Joinville EC

Na opinião do técnico Lisca, a derrota do Joinville para o Oeste (veja os melhores momentos aqui) foi injusta. O apoiado nas 14 finalizações (apenas três certas) e nas investidas em chutes de média distância, o treinador garante que as melhores oportunidades da partida foram do Tricolor.

Não achei o time mal. Apenas não conseguimos botar a bola para dentro. O resultado foi injusto, ao menos o empate merecíamos. Erramos em algumas escolhas. No segundo tempo tentamos fazer um pouco mais. Perdemos um atleta, e insistimos até o final, tivemos chute com o Jael, bola área, penetração. Não conseguimos ser efetivos e aproveitar as chances que criamos.

Ouça a coletiva do treinador clicando aqui.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on Pinterest
Mais

Quem paga?

Foto: João Lucas Cardoso
Foto: João Lucas Cardoso

O Joinville não confirma, mas, internamente, encontrou uma outra nova forma – em tom de brincadeira – para motivar os jogadores nos próximos jogos.

A proposta é bem simples…

Com 17 pontos no momento, a comissão técnica instigou os jogadores para obtenção dos resultados até o final do turno: Se o JEC somar quatro pontos nos próximos dois jogos, o superintendente Júlio Rondinelli será o responsável por bancar um churrasco para todo o elenco profissional. Porém, se o clube conquistar os 100% de aproveitamento, quem paga tudo é o técnico Lisca.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on Pinterest
Mais

Com novidades

O técnico Lisca definiu os 21 atletas relacionados do Joinville para o duelo contra o Oeste, neste sábado, dia 30, na Arena. Retornando de contusão, Ligger e Pereira são novidades. Além deles, Dodô também retorna após três partidas de fora.

  • Goleiros: Aranha e Oliveira;
  • Laterais: Everton Silva, Fernandinho e Reginaldo;
  • Zagueiros: Danrlei, Rafael Donato, Fabiano Eller e Ligger;
  • Volantes: Bertotto, Kadu, Naldo e Paulinho Dias;
  • Meias: Carlos Alberto, Pereira, Thomás e Bruno Ribeiro;
  • Atacantes: Juninho, Heliardo, Dodô e Jael

(mais…)

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on Pinterest
Mais

Futebol total

Foto: João Lucas Cardoso
Foto: João Lucas Cardoso

Realizar uma leitura exata do plano de jogo do Oeste foi a missão mais complicada para o técnico Lisca nesta última semana.

Com mais posse de bola e o dobro de passes certos em relação aos adversários, a equipe paulista, comandada por Fernando Diniz, propicia o Futebol Total – uma troca ordenada de posições entre os principais setores, com uma variação de toques curtos envolvendo o oponente.

É um time muito difícil de jogar. E o nosso torcedor tem que ter tranquilidade, pois trata-se do time que tem a maior posse de bola no campeonato. Aparentemente, em alguns jogos, vai parecer que você está sendo dominado, mas não é isso que acontece. Aí vem a estratégia da partida.

Ciente da organização tática do Oeste, Lisca admite que precisou esmiuçar os detalhes para fazer a leitura adequada no plano de jogo adversário. Com três zagueiros de boa saída e o meio campo povoado, o rubro-negro estimula o conceito desde o início da temporada.

Essa semana mais espaçada me ajudou a provocar algumas situações que vão acontecer no campo. Porque todo mundo tem pontos fortes – como o Oeste tem -, mas também tem pontos fracos. É um time que entra muito no campo do adversário, que se aproxima bastante. A gente vê alguns adversários jogando com uma linha mais alta, outros com linha baixa. Nós mesmos – os adversários – estamos buscando uma forma de não deixar eles terem esse domínio total do jogo.

Assista a coletiva na íntegra clicando aqui.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on Pinterest
Mais

Apito alagoano

Um trio alagoano comandado por José Ricardo Vasconcellos Laranjeira será o responsável pela arbitragem do duelo entre Joinville e Oeste, neste sábado, dia 30, na Arena. Os assistentes serão Maxwell Rocha da Silva e Wagner José da Silva.

Em 2016, José Vasconcellos apitou apenas dois jogos da Série B, distribuindo 11 cartões amarelos. O árbitro nunca participou de um jogo do JEC.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on Pinterest
Mais

Depois da tempestade…

Foto: JC Fornér
Foto: JC Fornér

Mais de 1.500 torcedores do Joinville já fizeram a retirada do bilhete cortesia para o duelo contra o Oeste, neste sábado, dia 30, na Arena. A expectativa da diretoria é que aproximadamente oito mil pessoas acompanhem o embate válido pela 18ª rodada da Série B.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on Pinterest
Mais

Nunca perdeu

* Com Anderson Miranda

O JEC nunca foi derrotado pelo Oeste em jogos na Arena.

Até hoje, em três duelos, são duas vitórias do tricolor e um empate. O primeiro cotejo ocorreu em 2010, pela Série D, e terminou venceu por 2 a 1. O jogo marcou a estreia do atacante Pantico no Tricolor.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on Pinterest
Mais

De graça

Foto: Joinville EC
Foto: Joinville EC

Diferente das últimas retóricas, o Joinville confirmou neste meio de semana que emprestou o zagueiro Bruno Aguiar de forma gratuita ao Muaither SC, do Catar. Segundo o presidente Jony Stassun, a saída do jogador abriu uma lacuna para que o clube pudesse bancar os salários do atacante Jael, apresentado nesta semana.

Na última quarta-feira, dia 27, os dirigentes do JEC estiveram reunidos com o advogado Leonardo Laporta, representante do defensor e sacramentaram o negócio. Bruno já recebeu a primeira parte do pagamento das luvas pela equipe do Oriente Médio e possui vínculo com o Tricolor até o final de 2018. O clube só receberá alguma quantia em caso de venda do jogador.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on Pinterest
Mais

Apresentados

  • apresentados 2707
    Foto: Fronzi Press
  • apresentados 2 2707
  • apresentados 2707

O Joinville apresentou na tarde desta quinta-feira, dia 28, os dois novos reforços para a sequência da temporada. O volante Tinga, de 25 anos, que estava no Suphanburi, da Tailândia, e o meia Bruno Farias, de 28 anos, que recentemente deixou o Audax.

O JEC ainda aguarda para a regularização de Bruno até o jogo contra o Oeste, na próxima rodada da Série B. Já o defensor deverá ter condições burocráticas apenas para o jogo contra o Vila Nova, na última rodada do turno.

Eu sou um cara que nunca deixa de trabalhar e nunca deixa de almejar coisas grandes. Eu quero esquecer tudo que já passou e focar aqui no Joinville. Vou trabalhar para dar o meu melhor e ser diferente. Minha condição física é boa e tenho certeza que eu vou colaborar. – Tinga

É muito mais fácil destruir jogadas do que construir. Do meio pra frente eu já atuei em diversas posições. Eu sou um meia esquerda, mas posso jogar pelo lado invertido e também centralizado, como eu vinha fazendo no Audax. – Bruno Farias

Assista a coletiva de apresentação clicando aqui.

Share on FacebookShare on Google+Tweet about this on TwitterPin on Pinterest
Mais